Frutos Oleaginosos

Por Janete Serraª

 

Os frutos oleaginosos como as nozes, amêndoas, avelãs, cajus, amendoins e pinhões são boas fontes de:

  • Ácidos gordos insaturados (conhecidos como gordura saudável);
  • Fibras alimentares;
  • Proteínas;
  • Vitaminas, como as vitaminas E, C e ácido fólico;
  • Minerais, como o cobre e o magnésio;
  • Fitoquímicos.


O consumo diário deste tipo de alimentos está associado a uma diminuição dos níveis sanguíneos de colesterol total e de colesterol LDL (conhecido como “mau colesterol”), o que contribui para a prevenção de doenças coronárias.


No entanto, devem ser consumidos em pequenas porções, uma vez que, por serem alimentos ricos em gordura, apresentam um elevado valor calórico. Um punhado de frutos oleaginosos por dia é o suficiente e poderá consumi-los durante todo o ano.


A manteiga destes frutos é uma boa opção para barrar no pão, como cobertura de panquecas e papas de aveia, misturado no iogurte, ou como substituto de outras fontes de gordura em sobremesas e doces.


Quando sentir vontade de comer doces, experimente uma das seguintes sugestões:

  • Fruta cortada em rodelas (ex: banana ou maçã) com manteiga de amendoim e canela em pó.
  • Palitos de cenoura com manteiga de amendoim.
  • Tâmara recheada com manteiga de amêndoa (corte a tâmara, retire o caroço e adicione a manteiga).


Bom apetite!

 

ª Janete Serra é nutricionista, nutricoach e pós-graduada em segurança alimentar. Dentre as suas especialidades estão a nutrição clínica, nutrição no desporto e segurança alimentar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *