Quero ser fit na vida!

Por Letícia Machado*

 

photo-1428471598907-e50b401c07b4-2

 

Já reparou que nas redes sociais as fotos mais populares são aquelas em que se exibe um modelo de vida saudável, corpos malhados e rotinas de exercício? Que as fotos de corpos bem definidos e de pratos com comidas com menos hidratos de carbono, menos gordura e menos açúcar têm se tornado virais? Reparou que o mundo fitness criou uma forte relação com o estilo de vida saudável e que ser saudável virou moda? E que ser “fit” virou objetivo de muita gente?

 

Pense comigo: será que ser fit no corpo é ser fit na vida? Eu poderia tomar essa discussão através de diferentes posições teóricas mas prefiro me restringir a fazer você refletir sobre o que tem feito para ser fit, portanto vou tratar o assunto de forma muito prática. Há atualmente uma busca feroz por uma melhor imagem corporal, um cabelo com boa aparência e um sorriso perfeito. Mas que passos uma pessoa que quer atingir a excelência nessas questões segue? Para a melhor imagem corporal, provavelmente procurará uma nutricionista, um bom ginásio ou um personal trainer. Essa mesma pessoa pode até atingir algum benefício se procurar dicas na internet e perguntar para os amigos, mas provavelmente se desmotivará rápido caso essas dicas não funcionem adequadamente, além, é claro, de poder colocar em risco sua saúde. Portanto, se ela procurar um profissional ou profissionais que a possam ajudar nessa questão, provavelmente conseguirá atingir melhores resultados de uma forma mais efetiva e motivada se o seu atendimento for personalizado, certo?

 

Para um cabelo com boa aparência, por exemplo, normalmente procuramos um cabeleireiro. É claro que se eu quisesse cortar o cabelo com a tesoura que tenho em casa o meu cabelo ficaria cortado, mas não teria o mesmo caimento ou a mesma aparência do que cortado por um bom profissional, não é? O mesmo acontece com o sorriso, para ter um sorriso saudável e branco é preciso que eu procure um dentista. Não consigo obturar uma cárie ou colocar um aparelho ortodôntico em casa, né? Ok, vai que alguém até consiga, mas vamos combinar que o conhecimento do dentista é muito maior do que de uma pessoa leiga ou com pouco conhecimento e que colocar nossa boca nas mãos deles produz um resultado muito melhor. Não acha?

 

Agora pensa comigo, uma vida saudável deve ser capaz de te manter com todos os nutrientes necessários para o seu corpo, mas acima de tudo, para ser saudável você precisa ser feliz. E por falar nisso, será que esqueceram de aplicar a fórmula fit às questões psicológicas? Neste momento vão ter algumas pessoas a pensar que não precisam porque psicólogo ou terapia é para quem tem problemas graves. Mas, espera aí! Deixa-me entender: cabeleireiro é só pra quem tem cabelo muito ruim? Ginásio é só pra quem está fora de forma? E dentista é só para quem já tem todos os dentes podres? É isso? Se não é isso, então porque cargas d’água você acha que psicologia não pode beneficiar qualquer pessoa?! Bem, assim como tudo o que eu disse antes pode ser resolvido sem ajuda dos profissionais especializados, as suas questões emocionais também podem ser resolvidas sem a ajuda de um psicólogo, não duvido de suas habilidades, mas você há de convir que, com um profissional experiente, o seu desempenho e resultado serão muito mais rápidos e eficazes. Assim como para ser fit no corpo você precisa de auxílio, para ser fit no emocional isso também faz-se necessário.

 

Agora, deixa eu te contar um pequeno segredo: ser fit emocionalmente ajuda a melhorar seu desempenho para ser fit fisicamente. Isso mesmo! Uma pessoa fortalecida psicologicamente consegue lidar melhor com sua autoexigência, com os desafios diários impostos por uma nova rotina alimentar ou com uma nova rotina de exercícios. Além disso, você, sendo fit emocionalmente, vê a vida por um novo ângulo, encara desafios de forma mais segura e menos ansiosa, vê os problemas de forma diferente, cria novas soluções para antigos problemas, consegue traçar novos objetivos e alcança-los com sucesso, comemora as pequenas alegrias na sua rotina e passa a ter tempo e mais paciência com aqueles que ama. Fala aí, ser fit na vida e não só no corpo deveria virar moda, não acha?!

 

VEJA OUTROS TEXTOS

 

* Letícia Machado é coach pessoal e profissional e psicóloga especialista em psicologia hospitalar, com ampla experiência no atendimento à crianças e adolescentes. Atualmente realiza atendimentos na YellowRoad como psicóloga clínica e coach de carreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *